Destaques
Disque Solidariedade pede doações de roupas de inverno
Com estoque praticamente zerado, Disque Solidariedade faz apelo à população. Fotos: Ricardo Marajó/FAS

Disque Solidariedade pede doações de roupas de inverno

Coleta das doações é feita a domicílio, que além de roupas arrecada móveis e utensílios 

Oficialmente o inverno só começa em junho, mas os curitibanos já começaram a sentir os efeitos das baixas temperaturas. A chegada do frio anima muita gente, que prefere essa época do ano, mas o que é motivo de comemoração para alguns se transforma em preocupação para outros.

Com a previsão de queda acentuada da temperatura, o Disque Solidariedade – serviço da Prefeitura de Curitiba que faz o recolhimento e o repasse de doações a pessoas e famílias em situação de vulnerabilidade social – faz um apelo à população para a doação de agasalhos. O estoque de doações atingiu nível de alerta e a Fundação de Ação Social (FAS), coordenadora do serviço, pede colaboração dos curitibanos para atender as pessoas que precisam de roupas.
“Fazemos um apelo para os curitibanos porque estamos com nosso estoque quase zerado, principalmente de roupas masculinas. Mas precisamos também de peças para mulheres e crianças que são atendidas em nossas unidades”, explica o coordenador do Disque Solidariedade, Marlon Mallassa.

As doações que chegam ao Disque Solidariedade são repassadas para pessoas e famílias acompanhadas pelos Centros de Referência da Assistência Social (Cras), unidades municipais que atendem indivíduos em situação de vulnerabilidade social; ou acolhidas nos equipamentos da FAS. O serviço atende também em casos de calamidade.

Coleta

O Disque Solidariedade faz a coleta das doações em domicílio. Além de roupas, também recolhe itens como calçados, móveis, eletrodomésticos e demais utensílios que estejam em bom estado de uso. Também são recebidos cadeiras de rodas, camas adaptadas para idosos ou pessoas com deficiência – que são encaminhadas para a Secretaria da Saúde -, bicicletas, brinquedos, objetos de esporte e lazer.

As doações podem ser feitas pela população ou empresas em qualquer época do ano. Para isso, o doador deve fazer um pedido de atendimento pela Central 156 (telefone ou internet), relacionar os itens que gostaria de doar e agendar a retirada, que é feita pelas equipes do serviço.

Quem preferir pode fazer as doações diretamente na sede da FAS, que fica na Rua Eduardo Sprada, 4.520, no bairro Campo Comprido. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h.