Moradores do Boqueirão inauguram cursos itinerantes
Prefeito Rafael Greca lança unidades móveis de qualificação profissional no Boqueirão.

Moradores do Boqueirão inauguram cursos itinerantes

Projeto é fruto da parceria entre a Prefeitura de Curitiba e a Fiep e deve oferecer 1.200 vagas

A Prefeitura e o Senai lançaram no final de fevereiro cursos gratuitos e itinerantes de qualificação profissional para a população e a primeira parada das unidades móveis foi a Rua da Cidadania do Boqueirão. Esta é a primeira estratégia do programa Liceu de Ofícios e Inovação, da Fundação de Ação Social – FAS Trabalho, para oferecer cursos itinerantes gratuitos a trabalhadores em condição de vulnerabilidade nas dez regionais da cidade.

Carretas e contêineres equipados do Sistema Fiep/Senai funcionarão como salas de aulas teóricas e práticas para três cursos com carga horária de 60 horas: Panificação, Costura Industrial e Mecânica de Motocicletas.

Serão 1.200 vagas iniciais, em 20 turmas pela manhã e à tarde, com até 20 alunos em cada uma. De acordo com a demanda, há possibilidade de ampliar a oferta dessas vagas.

“O que estamos vendo aqui é o triunfo da vitória sobre a dificuldade, da solução sobre o problema, porque o outro nome do emprego é capacitação”, disse o prefeito Rafael Greca no lançamento. Ele lembrou que o programa Liceu de Ofícios foi inaugurado há quase 26 anos pela primeira-dama, Margarita Sansone, quando ela presidiu a FAS. “Nosso desafio é, cada vez mais, capacitar para empreender, para se reinventar e inventar o próprio emprego”, completou.

Investimento

Os cursos têm investimento de R$ 475 mil do tesouro municipal, mas representam economia de recursos do poder público. Sem essas unidades móveis, a Prefeitura precisaria gastar com a construção e manutenção de salas para promover as aulas, além de ter despesas referentes a equipamentos e professores.

Os alunos também lucram com a proximidade das unidades móveis, já que não precisarão gastar com transporte.

As inscrições para os três cursos devem ser feitas pelo portal Aprendere (aprendere.curitiba.pr.gov.br). Todas as vagas dos cursos no Boqueirão estão ocupadas.