Cervejaria reconhecida internacionalmente completa 10 anos no coração do Hauer
Completando 10 anos da fundação, Bodebrown acumula mais de 100 prêmios na bagagem e é dona de rótulos eleitos 19 vezes os melhores do mundo. Foto: Divulgação

Cervejaria reconhecida internacionalmente completa 10 anos no coração do Hauer

Com um crescimento de 200% ao ano, a Bodebrown lança cerca de um novo rótulo por mês para continuar inovando

Marco no mercado cervejeiro, a Bodebrown não só expandiu o segmento como deu ao mundo da cerveja uma nova cara: mais moderna, descolada, ajudando a tornar o produto mais que um hobby, um estilo de vida entre os consumidores.

Todo esse posicionamento fez com que a marca conseguisse se destacar num setor amplamente dominado por gigantes como Ambev, Heineken e Itaipava. O segredo? Inovar sempre. “É uma escolha que envolve riscos. As grandes, afinal de contas, ganham dinheiro na escala. A Bodebrown, por sua vez, aumenta seu portfólio sem parar. Já são 90 e um novo a cada mês. O consumidor quer experiência, esse modelo de escala de um produto só está ultrapassado, por isso criamos novos produtos e acreditamos que isso só beneficia o nosso negócio”, contou Samuel Cavalcanti, fundador da Bodebrown, em entrevista à Revista Exame.

Fundação

Samuel Cavalcanti é natural de Recife. A família se mudou para Curitiba devido ao trabalho do pai durante sua adolescência. Sem muita certeza do que cursar na faculdade ele optou por Química. “Só no terceiro ano da graduação tive certeza de que futuro passava pela área escolhida. Fiquei encantado com a matéria de fermentação, aquilo era incrível”, completou.

Foi então que passou a visitar cervejarias em todo o mundo. Em 2009, abriu as portas da Bodebrown, que hoje fatura 15 milhões de reais e cresce 200% ao ano.

Diversificação: a chave para o sucesso

Além de diversificar nos rótulos lançados mensalmente criando uma experiência única a cada cerveja para o consumidor, a Bodebrown também inova em outras frentes como, por exemplo, a criação da primeira escola voltada a cerveja do Brasil com cursos regulares voltados à produção, degustação e harmonização de cervejas com renomados profissionais.

Outra iniciativa da marca é o Beertrain. Um evento que oferece uma viagem de trem entre Curitiba e Morretes com degustação de cervejas artesanais nacionais e importadas harmonizadas com pães e queijos.

A Tap House também é outra aposta para ampliar o contato da marca e vivenciar outras possibilidades. O ambiente ao lado da fábrica permite que os consumidores usem um cartão pré-pago e, diretamente das biqueiras, passam esse cartão no leitor, leem a descrição da cerveja e a válvula abre.